Obra marca a estreia do cineasta Lula Oliveira na literatura infanto-juvenil   

Lula Oliveira ao lado de Clara sua filha mais velha inspiracao nas memorias afetivas de contacao de estorias "A Estrelinha Fujona" e suas aventuras
Lula Oliveira ao lado de Clara, sua filha mais velha – inspiração nas memórias afetivas de contação de estórias

Contar estórias. Uma finalidade comum das artes cinematográfica e literária, que, justamente por esta intersecção, sempre dialogaram e se retroalimentaram, através da adaptação de obras de literatura para o cinema, e vice-versa. 

Mas e quando cineastas, que já estabelecem uma dinâmica criativa voltada à interação entre textos e imagens na construção fílmica, experimentam a criação para a produção editorial?

É esta a experiência que têm vivenciado o jornalista e cineasta baiano Lula Oliveira e a cineasta e ilustradora, Fernanda Bastos com o livro A Estrelinha Fujona, recém-lançado nas versões impressa e e-book, pela Pinaúna Editora. 

Estórias para dormir

A estória, criada e transformada em texto por Lula Oliveira, já permeava o imaginário de suas filhas na infância delas, quando ele as colocava para dormir. 

O interesse das meninas e a forma como embalava o sono fizeram com que as aventuras de uma estrelinha que sonhava em conhecer o planeta azul permanecessem na memória afetiva do autor, para agora tornar-se uma publicação.

Fernanda, que também é diretora audiovisual e ilustra para filmes de animação foi então convidada para criar as ilustrações. Esta é a estreia dos dois no segmento literário e também marca o lançamento do selo Ouricinho, voltado ao público infanto-juvenil, da editora baiana Pinaúna. 

Na narrativa do livro, o lúdico tem o destaque, sempre permeado por elementos que possam instigar a curiosidade e a boa conversa após a estória, das crianças com os pais, que podem surgir de questões como a dimensão do universo e a Terra como parte dele, a biodiversidade do planeta, até sobre os limites que são estabelecidos e oferecidos, para o cuidado e proteção, aos pequenos por seus tutores, e o natural espírito desbravador da criançada. 

O livro tem como personagens a estrelinha Jakaira, a sua família estrelar e muitos novos amigos que ela encontra no nosso planeta e que a ajudam na missão de retornar para casa.

O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura e da Fundação Pedro Calmon – FPC (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal. 

O livro está disponível para a venda no site da Pinaúna Editora: www.pinaunaeditora.com.br. Mais informações no Instagram @pinauma.editora ou pelo telefone (71) 98680-1048.