Por  KAKAO Figueiredo
KKO.Studio
21 2711-3104
adele2B20172B1 Coluna Música no Ar - Fevereiro 2017
@ Dois
artistas britânicos praticamente monopolizaram a 59ª edição do Grammy. A maior
vencedora foi, indubitavelmente, Adele que
levou nada menos que cinco dos principais troféus da noite. “Hello” ganhou como a
gravação do ano, o prêmio mais importante, e foi ainda a melhor performance pop
solo e a melhor canção. Já “25“,
foi o melhor álbum do ano e também o de pop vocal.
Mas aqui vem um parêntese, numa homenagem a George Michael,
Adele entra cantando com um acompanhamento flutuante, mas com um piano dando a
harmonia. A cantora, repetindo 2016, entrou totalmente desafinada se sentiu
fora do tom, pediu para reiniciar a canção, mas na volta não entrou totalmente
no tom o que causou grandes discussões na internet. Adele consegue ou não cantar
perfeitamente ao vivo sem desafinar. Gravar é uma realidade, performance ao vivo
é outra.  Tenho a certeza de que a Diva
vai querer se redimir perante os seu fãs.
David2BBowie Coluna Música no Ar - Fevereiro 2017
@ O
álbum “Blackstar
de David Bowie,
morto em janeiro do ano passado, também recebeu cinco estatuetas – todas a que
estava indicado. O disco ganhou em álbum de música alternativa e os prêmios
técnicos de melhor design de embalagem e o de engenharia de som. A música que dá título ao álbum foi
a melhor performance de rock e a melhor canção de rock. Uma homenagem e um prêmio justo apara
esse grande astro pop que se foi, deixando o seu legado.
743bd2d5 fb53 41d6 90f3 d9d857cf32a2 Coluna Música no Ar - Fevereiro 2017
@ Macacos me mordam se eu atirei o pau no gato,
se ironizei a menina de cabelos afro e se menosprezei a cabeleira do Zezé. Vamos
deixar de cantar as marchinhas de carnaval antigas e cantar só os funks modernos
que menosprezam e vulgarizam a mulher? Vamos criar um Carnaval sem brincadeiras.
Controlado por câmeras, chips e censores? Piadas de português vão ser proibidas,
cantadas e paqueras passíveis de detenção? Mundo novo de selfies eletrônicas e exposição constante e de novos falsos moralistas
soltos ao vento… Politicamente corretos? Queremos é… políticos corretos. Cadeia
para os Corruptos e Ladrões…Cuidado, Carnaval!!! Não acaba, não… Você corre
perigo!!!
tom z25C325A9 coca Coluna Música no Ar - Fevereiro 2017
@ Aos 80 anos, Tom Zé põe novamente o bloco na rua contra os
políticos corruptos. Duas semanas após lançar “Queremos as delações” (Tom
Zé e Paulo Lepetit), música que cobrava agilidade na operação Lava Jato após a
morte do ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki (1948 – 2017), o
cantor e compositor baiano apresenta a marcha Homologô,
gravada com arranjo de Daniel Maia. Na letra da marcha carnavalesca, Tom Zé
critica o andamento da Lava Jato e defende a prisão dos políticos corruptos
envolvidos na operação policial. A música já está disponível para audição no
portal SoundCloud:
Olha a letra aí:
Homologou, logô,
Homologô
Mas querem transformar a Lava-Jato em Lava-Rato
Homologou, logo,
Homologô,
E o país nesse teatro pisa num rabo-de-gato
É de se ver,
Bota a mão daqui, bota a mão dali,
Pobre nação!
Não dá pra crer
Bota a mão daqui, bota a mão dali,
Quanto ladrão!
Essa turma só
Só se botar
No xilindró. Óóóóóóh…”

 




Tagged: , , , ,