Iniciativa é voltada a professores da rede pública
de ensino que desenvolvem projetos inovadores
Wagner2BVicter2Be2Bpremiados2Bda2Brede2Bestadual foto2BMarcia2BCosta Inscrições abertas para o Prêmio de Educação Científica
Wagner Victer e premiados do ano passado
(foto divulgação)
Professores
das áreas de Ciências e de Matemática da rede pública de ensino podem inscrever
seus projetos inovadores na 4ª edição do Prêmio Shell de Educação Científica.
As inscrições podem ser feitas pelo site http://premioshelldeeducacaocientifica.com,
até o dia 13 de outubro. O concurso premia projetos de docentes do Ensino Médio
e do Ensino Fundamental. Três finalistas de cada segmento serão contemplados e
ganharão uma viagem educativa à Inglaterra.
A
iniciativa do prêmio, uma parceria da Secretaria de Estado de Educação (Seeduc)
e a Shell, com apoio do British Council, visa reconhecer o trabalho de
professores que desenvolvem métodos diferentes de ensinar, transformando as
salas de aula em ambientes criativos e incentivando os alunos na pesquisa e
busca do conhecimento científico.
Na
edição de 2016, os professores Saulo Paschoaletto de Andrade, do Ciep 456 –
Marco Polo, de Três Rios; Sebastião Luís de Oliveira, do Ciep 493 – Professora
Antonieta Salinas de Castro, de Barra Mansa; Marcos Paulo Henrique, do Colégio
Estadual Alfredo Pujol, de Rio Claro; e Hercílio Pereira Cordova, do Colégio
Estadual Professor José de Souza Marques, localizado na capital do Rio de
Janeiro, foram os grandes vencedores. As
escolas em que os docentes lecionam também serão premiadas com kits de
robótica, laptops e projetores de multimídia, de acordo com a classificação dos
projetos.