Uma das principais
celebrações de fé no Estado do Rio de Janeiro, o dia 23 de abril, consagrado a
São Jorge, terá uma programação intensa nas Igrejas e Capelas dedicadas a ele
nas cidades de Niterói e Rio de Janeiro. Milhões de pessoas são esperadas nas
missas, procissões e shows musicais que compõem a programação do Santo
Guerreiro, entre os dias 19 e 30 de abril. Confira a programação completa:

Dia2Bde2BS25C325A3o2BJorge2B 2Bfotos2BLuana2BDias2B 2BJornal2BCasa2Bda2BGente2B2B2528112529 São Jorge leva devotos à Igreja
São Jorge em Niterói: milhares de fiéis
(fotos Luana Dias)
Niterói
Terá início no dia 20 de
abril as festividades da festa de São Jorge, em Niterói, com o tríduo
preparatório dos devotos, que devem comparecer à Igreja às 19 horas,
participando das orações até o dia 22, sempre no mesmo horário.
            Os temas preparatórios, segundo o padre Wallace Dahan dos
Santos, pároco do município, será ” A Fé na vida de São Jorge “,
“A Esperança na vida de São Jorge ” e ” A  caridade na vida de São Jorge”.
            No domingo, dia 23 de abril, data consagrada ao Santo
Guerreiro, a comemoração tem início às 6 horas da manhã, com a tradicional
Alvorada. Logo em seguida, às 6h30, será celebrada a Missa Campal,  seguindo-se às 8h, 10h,12h, 14h, 15h e 16h30
as missas campais e às 18 horas a procissão percorrendo as principais ruas da
cidade.
Durante todos os dias, na
rua Alcides Figueiredo, onde fica a igreja de São Jorge, no Centro de Niterói
terá barracas e romaria ao templo.
Praça da República
Na igreja de São Jorge,
na Praça da República, no Centro do Rio de Janeiro, o tríduo começará no dia
19, coincidindo com a Missa de Santo Expedito (data consagrada a este santo católico)
e vai até o dia 21, sempre ao meio-dia. Os temas do tríduo serão “São
Jorge, guardião da família”, “São Jorge, Cavaleiro da
Misericórdia”, e “São Jorge, abrigado sob o manto da Mãe”.
No dia 22, haverá missas
comunitárias às 9h, 12h e 18h. Já no dia 23, a festa começa às 5h da manhã, com
a Missa da Alvorada. Às 18h, é realizada a Missa dos Militares, e às 20h a
Missa de Encerramento, celebrada pelo Cardeal Dom Orani João Tempesta. Além
disso, haverá missas campais de hora em hora, de 8h às 12h, e das 14h às 16h.
Dia 24, haverá uma Missa
Comunitária às 10h. A tradicional procissão irá acontecer somente no dia 30 de
abril, após a Missa Compromissal, celebrada às 9h da manhã. A Igreja de São
Gonçalo Garcia e São Jorge acontece na Rua da Alfândega, 382, esquina com Praça
da República, no Centro do Rio de Janeiro.
Dia2Bde2BS25C325A3o2BJorge2B 2Bfotos2BLuana2BDias2B 2BJornal2BCasa2Bda2BGente2B2B252892529 São Jorge leva devotos à Igreja
Quintino
A programação será
intensa também na Igreja Matriz de São Jorge de Quintino.  O local, recebe em média 600 mil pessoas em
dias de celebração ao Santo, já “respira” os preparativos da festa.
No dia 22 de abril, às
19h, a Igreja de Quintino receberá o show do Ministério “Colo de
Deus”. Dia 23, às 5h da manhã, será realizada a Missa da Alvorada, tendo a
frente o Padre Dirceu Rigo, seguido de missas também às 8h e às 18h. Às 9h, a
Missa será celebrada por Dom Luiz Henrique. Às 10h da manhã, a Missa será
celebrada pelo Cardeal Dom Orani João Tempesta.