Niterói e Rio tem pré-estreia do longa, com a presença do diretor e de diversas personalidades
Cartaz2BComboio "Comboio de Sal e Açúcar" estreia em circuito nacional
O longa-metragem “Comboio de Sal e Açúcar” tem pré-estreia em Niterói e no Rio de Janeiro, marcando a chegada ao circuito nacionalO filme é baseado no livro homônimo do premiado diretor Licínio de Azevedo, e se passa em Moçambique, em plena guerra civil. Um trem, que liga Nampula (província do Norte do país) ao Malawi, atravessa uma perigosa zona de guerra. Esta viagem é a única esperança para centenas de pessoas dispostas a arriscar a própria vida para garantir sua subsistência, indo trocar sal por açúcar no país vizinho. 
A pré-estreia em Niterói acontece nesta terça, dia 5 de junho, às 20h30, no Reserva Cultural. A sessão será seguida de debate com a presença do diretor Licínio Azevedo, Rodrigo Fonseca, crítico de cinema e membro da Associação de Críticos de Cinema do Rio de Janeiro – ACCRJThiago Justino, ator, diretor e preparador de elenco, e Clementino Junior, cineasta, educador audiovisual, e fundador do CAN – Cineclube Atlântico Negro, além de Carla Osorio, da Livres Filmes. A sessão também contará com a presença do Cônsul de Moçambique, Antonio Pires.
No Rio, a pré-estreia acontece na quarta, dia 06 de junho, às 21h, na Estação Net Rio, em Botafogo. Além da presença de Licionio de Azevedo e Thiago Justino, o evento terá como debatedores Aza Njeri, escritora e Doutora em Literaturas Africanas e pós doutoranda em Filosofia Africana UFRJ e Joel Zito Araujo, diretor e doutor em Comunicação pela USP e com pós-doutorado em Cinema e TV na University of Texas.
O filme, que chega ao circuito nacional no dia 7 de junho, é uma produção da Ukbar Filmes (Portugal) e coprodução com  Ebano Multimídia (Moçambique), Le Films de L’Ètranger (França), Urucu Media (África do Sul)  e Panda Filmes (Brasil). A distribuição brasileira é feita pela da Livres Filmes.  
Assista ao trailer do filme:

licinio "Comboio de Sal e Açúcar" estreia em circuito nacional
Licinio de Azevedo
Licínio Azevedo é cineasta e escritor, nascido em Porto Alegre, Brasil, mas vive há mais de 30 anos na África. Faz parte da geração formada no Instituto Nacional de Cinema de Moçambique após a independência do país, com a intervenção de diferentes professores, como Godard, Ruy Guerra e Jean Rouch. No cinema alterna-se entre documentários e ficção. Um de seus livros, sobre a guerra civil, serviu de base para o primeiro longa de ficção no país, “Tempo de Leopardos”. Já realizou cerca de 40 filmes. Seu filme anterior, de ficção, “Virgem Margarida”, foi selecionado em mais de 15 festivais internacionais e com mais de 10 prêmios recebidos.
Tagged: , , ,