Projeto teatral, que conta
com o apoio da Femptec, traz um clássico da literatura portuguesa para os
palcos
JuizdeFora 2 CrC3A9dito DeniseSantos Cartas Portuguesas – Um romance malfadado
(foto: divulgação/ Denise Santos)
Portugal, século XVII. Uma freira de um convento da cidade de Bejo se
apaixona por um oficial francês. Triste, ela escreve ao seu amado cartas em que
revela todo o seu sentimento exacerbado, que vai do amor à decepção por não ser
correspondida. Até hoje, permanece a dúvida sobre a veracidade da história, mas
o fato é que ela rendeu um dos maiores clássicos da literatura lusitana: “As
Cartas Portuguesas” de Mariana Alcoforado. O romance serviu de base para a
criação do espetáculo teatral
“Cartas Portuguesas – Um Romance Malfadado”, do grupo
teatral “6 Marias e Meia”. O projeto conta com o apoio da Femptec – Fundação de
Empreendimentos, Pesquisa e Desenvolvimento Institucional, Científico e
Tecnológico do Rio de Janeiro – na preparação, realização e divulgação do
espetáculo.
“Começamos a trabalhar com a Femptec em junho de 2013, e esta parceria é
de extrema importância para o ‘6 Marias e Meia’. Somos um grupo de teatro
alternativo e poder contar com o estímulo e a confiança de uma Fundação do
porte e da experiência da Femptec é uma honra. Atualmente, estamos concorrendo
a editais e temos a certeza de que esta parceria nos possibilita novas
conquistas e possibilidades de divulgar nosso trabalho” afirma Luciana Barboza.
SolardoJambeiro 5 CrC3A9dito FranciscoPellegrini Cartas Portuguesas – Um romance malfadado
(foto: divulgação/ Francisco Pellegrini)
Em cena, as atrizes Laura
Becker, Rosa Félix e a atriz portuguesa
radicada no Rio de Janeiro,
Joana De Carvalho, interpretam diferentes leituras da personagem
principal, a freira Mariana Alcoforado. A atmosfera se completa
com o acompanhamento musical do acordeão de Francisco Pellegrini, que também
assina a trilha original da peça.
O espetáculo foi agraciado
em 2013 pela comissão do Ano de Portugal no Brasil com a Chancela do evento, e
já foi apresentado no Centro Cultural Bernardo Mascarenhas (Juiz de Fora), Sesc
Palladium (Belo Horizonte), Sesc (Nova Friburgo), Galpão Cultural Margaret de
Jesus (Bom Jardim), Solar do Jambeiro (Niterói) e Centro Cultural Laurinda
Santos Lobo (Rio de Janeiro).
“Durante minhas pesquisas e
no decorrer do processo de construção do espetáculo, busquei também outras
fontes de investigação da literatura feminina lusitana, entre elas a poetisa
Florbela Espanca, e Maria Teresa Horta e Maria Isabel Barreno, que juntas à
Maria Velho da Costa publicaram, em 1972, as “Novas Cartas Portuguesas”, obra
que denunciava, entre outras coisas, a condição das mulheres durante a ditadura
portuguesa. Seus textos ajudaram a ambientar as atrizes e construir nos ensaios
uma atmosfera mais lusitana” conta Luciana Barboza,
diretora do espetáculo e coodenadora do projeto.
CartasPortuguesas CrC3A9dito NivaldoGomes Cartas Portuguesas – Um romance malfadado
(Foto: divulgação/ Nivaldo Gomes)
Com seis anos de existência, o grupo “6 Marias e Meia”
tem se notabilizado pelas adaptações de obras literárias para o teatro. Entre
os destaques está o primeiro grande trabalho realizado por Luciana como
diretora: “Dos tais Laços Humanos” (2008), adaptação da obra de Lygia Fagundes
Telles. No campo da dramaturgia, o grupo assina o espetáculo multimídia
“Ernesto Nazareth e seu tempo”, que celebra os 150 anos do reconhecido pianista
brasileiro.
BomJardim 3 CrC3A9dito MarisaMaia Cartas Portuguesas – Um romance malfadado
(foto: divulgação/ Marisa Maia)
A Femptec
Apoiar a gestão de projetos com ética,
comprometimento, excelência, sustentabilidade, segurança e amor. Esta é a
vocação da Femptec, que comemora 10 anos no mercado, atuando em diversas áreas:
cultural, social, econômica, política, educacional, pesquisas, científica,
tecnológica, saúde, assistência social, empreendedorismo, meio ambiente, entre
outras. A fundação tem como principal objetivo ser um instrumento facilitador para
empresas, instituições públicas e privadas e também pessoas físicas,
desenvolverem uma ideia.
A Fundação oferece soluções inovadoras de consultoria,
administração, disponibilizando recursos técnicos e humanos, operacionalizando
recursos financeiros e elaborando pesquisas, entre outros serviços prestados em
diversas áreas de conhecimento. Como não está vinculada exclusivamente a
nenhuma instituição, pode atuar com diversos tipos de públicos e projetos a um
custo muito mais baixo, com agilidade e qualidade excepcional.
A Femptec irá marcar presença na edição 2014 do
Festival da Associação Brasileira de Captação de Recursos (ABCR). O evento –
que será realizado na cidade de Guarapari, no Espírito Santo, entre os dias 19 a 22 de maio – irá reunir
mais de 400 profissionais de todo o país com palestras, exposições e mesas
redondas. O tema central do evento será “Entendendo o doador: mobilizando
recursos de forma ética, consistente, transparente e eficaz”.
Além de participar da programação, a Femptec irá
apresentar alguns de seus projetos, tais como “Cartas Portuguesas: um Romance
Malfadado, espetáculo teatral concebido pela Cia. Teatral ‘6 Marias e Meia’; o espetáculo
musical de Giovanni Sagaz, que interpreta obras de Ernesto Nazareth; a montagem
e circulação do espetáculo “Gênios Engarrafados”, apresentando um conceito
inovador unindo literatura, artes plásticas e performance; o espetáculo musical
“Mulata Sou” da cantora e sambista carioca Patricia Costa.
Na área de saúde, há ainda o Projeto Vida,  que objetiva a prevenção na área de saúde, realizado
pela Femptec no município de São Gonçalo; e o projeto experimental para triagem
Pré-Natal de doenças transmissíveis com amostras de sangue coletadas com papel
de filtro no Estado do Rio de Janeiro, parceria realizada com o Biomarc – Laboratório de Biomarcadores – e o
Instituto Vital Brazil; entre muitas outras iniciativas apoiadas pela Femptec.

Tagged: , , , , ,