Lina2B255Bfoto2B1255D Lina Santoro e Ramon Theobald em única apresentação no Teatro Municipal de Niterói
A soprano Lina Santoro e o pianista Ramon Theobald tem apresentação única no Teatro Municipal de Niterói nesta quarta, dia 22 de maio, às 19h. No repertório, canções e árias de ópera dos séculos XVIII e XIX. Os ingressos estão à venda pelo preço de R$40,00 e R$20,00 (meia entrada).

Graduada em Bacharelado em Canto e Licenciatura Plena na Unirio, Lina Santoro iniciou sua carreira musical no Coro Infantil do Theatro Municipal do RJ, tendo, ainda na infância, participado de várias montagens de ópera e turnês pelo Brasil e EUA, além de gravação de CDs. Atualmente é integrante do Coral Municipal de Petrópolis, do grupo vocal Calíope e do Coro Sinfônico do RJ, e do grupo vocal Boca Que Usa, tendo participado de turnês pelo Brasil, Argentina, Bolívia, Portugal, Espanha e Letônia, além da gravação de CDs e DVDs.
Ainda como corista foi selecionada para o Coro Internacional da Bach Akademie (Stuttgart, Alemanha) em 2008, 2013 e 2014, com concertos na Alemanha, no Chile e na Tunísia.
Como solista tem se apresentado em montagens de óperas, cantatas e missas, no Brasil e Alemanha.
Atuou como professora de música na área de educação infantil, como preparadora vocal e regente do coro Boca que Usa e regente assistente no projeto Orquestra de Vozes, Meninos do Rio, da Prefeitura do RJ. Como cantora, solista, regente e preparadora vocal, conta ainda com diversos prêmios e medalhas em participações em concursos internacionais de coros, incluindo melhor regente, melhor coro e premio popular (La Plata – Argentina, 2006); melhor coro (São Lourenço, 2011); 2 medalhas de ouro, categorias Coro Sacro e Misto (Calella – Espanha, 2014); e 2 medalhas de prata, categorias Coro Sacro e Misto (Riga – Letônia, 2017).
IMG 8418 Lina Santoro e Ramon Theobald em única apresentação no Teatro Municipal de Niterói
Ramon Theobald tem desenvolvido intensa carreira como solista, camerista e, sobretudo, como pianista répétiteur. Trabalhando desde 2016 no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, colaborou nas premiadas produções de “Lo Schiavo” de Carlos Gomes – com regência de Roberto Duarte e direção cênica de Pier Francesco Maestrini – e “Jenůfa” de Leoš Janáček – com o maestro Marcelo de Jesus e o diretor André Heller-Lopes -, entre outras.
É bacharel em Piano pela Escola de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), onde estudou sob orientação da Profª. Drª. Sônia Goulart e do Prof. Luiz Senise, com quem concluiu a graduação.
Dois períodos do bacharelado foram cursados na Hochschule für Musik Karlsruhe, na Alemanha, através de uma bolsa de estudos concedida por parceria entre CAPES e DAAD. As experiências internacionais incluem também a participação no “Festival del Golfo” em San Marco di Castellabate, na Itália; uma turnê pela Áustria, Alemanha e República Tcheca como pianista do Coral dos Canarinhos de Petrópolis e recitais solo em cidades da Alemanha e da Itália.
Pianista premiado em diversos concursos nacionais, destacou-se com os primeiros lugares no “I Concurso de Piano Casa da Música”, em Porto Alegre, e no “18º Concurso de Piano Arnaldo Estrella”, em Juiz de Fora, em que também obteve por duas vezes o prêmio de “Melhor Intérprete de Música Brasileira”.
Em 2019 foi bolsista da célebre “Georg Solti Accademia” em Veneza, na qual teve aulas com Jonathan Papp, Anthony Legge, Rodrigo de Vera e com o famoso maestro australiano Richard Bonynge. Atualmente cursa o mestrado em Musicologia na Escola de Música da UFRJ, sob orientação do prof. Dr. Antonio J. Augusto.