Urna2Beleitoral2B 2Bfoto2BdivulgaC3A7C3A3o2BTRE2BRJ Tudo sobre as Eleições 2014 no RJ
Urna eletrônica (foto divulgação/TRE-RJ)
Por Mario Dias

Muito embora o Rio de Janeiro, capital do Estado, concentre
o maior número de eleitores, os municípios de Niterói e São Gonçalo são alvos
dos candidatos a presidente, governador, senador, deputados federal e estadual, numa busca
frenética por votos.
Caravanas atravessam diariamente a ponte Rio-Niterói,
percorrendo os bairros das duas cidades, realizando reuniões, apresentando suas
ideias e projetos, tentando convencer os eleitores.
Nesta ação incessante, os postulantes aos cargos políticos
não deixam de lado os municípios de Itaboraí e Maricá, que mesmo com um
percentual menor de votantes são considerados a “entrada” para o interior do
Estado, daí uma vitrine na visibilidade das suas campanhas.

Fechando
a área
Niterói com 352.433 eleitores tem um peso importante na
campanha por já ter sido capital do antigo estado do Rio de Janeiro e cidade
formadora de opinião. A Câmara de Vereadores é o ponto de maior concentração
dos candidatos. O apoio dos legisladores é muito disputado, embora Niterói
tenha perdido 29.588 eleitores em relação às Eleições 2012.
São Gonçalo, com 678.379 pessoas habilitadas a votar,
constitui-se em um dos maiores colégios eleitorais, por isso também muito
assediada pelos candidatos a presidente, Governador, Senador e a Deputados. Junto com
Niterói, o município tem um peso importante na eleição.   
Niterói tem 4 candidatos a deputados federais e 7 à
Assembleia Legislativa; São Gonçalo 7 e 12 respectivamente. Sabendo da
“invasão” dos pretendentes de outros municípios, os que são naturais das duas
cidades chamam a atenção em seus discursos para a importância de se votar nas
forças políticas das duas cidades, os quais defenderão os interesses locais, em
verdadeiro fechamento de área. Porém, tradicionalmente os candidatos de fora
são bem votados nas duas cidades, revelam os dados de eleições anteriores.
 Curiosidades no quadro eleitoral
  • ·        
    O TRE – Tribunal Regional Eleitoral mostra o
    seguinte quadro eleitoral: 7 candidatos a Governador, oito a senador, 2034 a
    Deputado Estadual e 1078 a Federal.
  • ·        
    O Estado do Rio tem 12 milhões, 141 mil e 145
    eleitores. A capital – Rio de Janeiro – tem 4 milhões, 836 mil e 264 votantes,
    com um crescimento de 3,8% que votaram em 2012.
  • ·        
    São Gonçalo registra 678 mil e 379 eleitores,
    apresentando-se um crescimento de 5,6%, comparado com 2012.
  • ·        
    Niterói tem 352 mil e 433 votantes, registrando
    uma queda de 8,9% na comparação com 2012, o que pode ter sido causado pelo uso
    da biometria, deixando apreensivos os políticos da cidade, pois representa
    menos 29 mil e 588 votantes. Niterói e Armação dos Búzios foram as únicas
    cidades que fizeram a biometria. Com os números atuais, Niterói caiu de 5º para
    7º lugar no contingente eleitoral.
  • ·        
    O número de eleitores no exterior cresceu 68,2%,
    com 337.168 eleitores. Em 2012, eram 200 mil e 392 votantes. Os países que tem
    mais habilitados são: Estados Unidos, Japão, Portugal, Itália e Alemanha. Entre
    os jovens, registrou-se uma queda de quase 50%  nos votantes, com 75.487, quando em 2012
    estavam habilitados 117.988 em todo o país.
  • ·        
    A queda no número de eleitores jovens atinge a
    faixa etária de 16 a 17 anos, quando o voto não é obrigatório.
  • ·        
    O Estado do Rio deverá eleger 71 Deputados
    Estaduais e 46 Federais.  

Tagged: , ,